terça-feira, 27 de novembro de 2012

Um Soneto Matinal por ALAERCIO FLOR para Gesumira Pedroza....

                   
Um Soneto Matinal,bem Matinal.....

por Alaércio Flor    para GESUMIRA PEDROZA( Míran)

Difícil é compor a primeira frase poética...
Que emocione leitora e o escritor feliz
Mas nada como a beleza da linda flor:
Ser pétalas ou pedra,espinho ou haste...

Eis a Vida.... Ora flores,ora escores
Em que se não contamos os espinhos
Nem as essências vêm sem um ramo
A força está na magia das palavras.

Emocionar-se em palavra é um ato
Que pode  ser erótico ou apenas ético
Prefiro que seja belo e bem singelo

Não é que faço um soneto matinal...???
Para uma Musa que quer um LIVRO
Que fale de coisas nossas e secretas....
Postar um comentário